O caminho que uma peça de arte faz até virar estrela de museu

O caminho que uma peça de arte faz até virar estrela de museu

O caminho que uma peça de arte faz até virar estrela de museu às vezes é tortuoso. Algumas testemunharam revoluções. Outras, perseguição política.

Veja todo o caminho de uma das mais famosas obras de arte "MONA LISA":
1. FLORENÇA
Em 1507, após quatro anos de trabalho em seu estúdio em Florença, o pintor Leonardo da Vinci termina Mona Lisa, hoje considerada a pintura mais famosa do mundo. O quadro não tinha comprador, foi feito por Da Vinci por vontade própria. Por isso a obra ficou durante anos com o pintor.

2. PARIS
Mona Lisa e Da Vinci seguem juntos até o pintor trocar Florença por Paris, em 1516. A mudança acontece a convite de Francisco 1º, rei francês que chamava artistas da Itália para morar na França e, assim, difundir o Renascimento no país. Quando vê Mona Lisa, Francisco 1º não tem dúvidas e a compra na hora.

3. DA REALEZA
A obra fica em uma das moradas do rei, o Château Fontainebleau, até 1726 – quando Luís 15 assume o trono e a leva para o Palácio de Versalhes, onde a realeza fica longe das revoltas populares de Paris.

4. DO POVO
Com a Revolução Francesa, a Mona Lisa é transferida para o Museu do Louvre, onde todo o povo pode apreciá-la. Pelos ideais revolucionários, obras de arte não deveriam ficar restritas aos nobres.

5. DE NAPOLEÃO
O imperador acaba com a festa. Em 1800, depois de tomar o poder, ele tira a obra do Louvre e a leva para o Palácio de Tuileries, onde morava. Mais precisamente para uma parede de seu quarto, logo acima da cama.

6. DO POVO DE NOVO
Fim do império napoleônico: Mona Lisa está de volta ao Museu do Louvre para que toda a população possa vê-la. A essa altura, a tela de Da Vinci já está famosa e é considerada uma obra-prima.

7. ESCONDERIJO
Em 1870, Napoleão 3º inicia um conflito com a Prússia. Por medo de uma invasão em Paris, Mona Lisa e outras obras são guardadas em um complexo militar na cidade francesa de Brest.

8. QUASE ITÁLIA
Enfim, paz. De volta ao Louvre. Até que a obra é roubada em 1911. Por dois anos Mona Lisa fica nas mãos de um ex-funcionário do museu. Italiano, ele tentava devolver à Itália as obras do Renascimento. Não deu. Hoje Mona Lisa segue sendo vista pelo povo: 8 milhões de turistas por ano.

fonte: superinteressante

O caminho que uma peça de arte faz até virar estrela de museu às vezes é tortuoso. Algumas testemunharam revoluções. Outras, perseguição política.

Posts Relacionados
Nova identidade

Nova identidade

Tarsila do Amaral

Tarsila do Amaral